SISMAR vai distribuir 30 mil máscaras em parceria com MPT e Justiça do Trabalho

Entrega começa na semana que vem; servidores municipais e terceirizados de toda a região serão selecionados pelo Sindicato para receberem seus kits


A pedido do Ministério Público do Trabalho (MPT) de Araraquara, a Justiça do Trabalho, por intermédio da Juíza da 3ª Vara de Araraquara, Drª Monica Rodrigues Carvalho Rossi, destinou R$ 148,5 mil ao SISMAR para a aquisição e distribuição de 30 mil máscaras produzidas pela Lupo, para ajudar no combate à transmissão do novo coronavírus (Sars-cov2), causador da Covid-19.

A princípio, quase R$ 800 mil seriam direcionados ao Município de Araraquara. A argumentação levada pelos diretores do SISMAR, em audiência com o MPT e outros convidados, no entanto, convenceu ao Procurador do Trabalho, Dr. Cassio Calvilani Dalla-Déa, a desvincular uma parcela desse montante para que o sindicato suprisse a carência/ausência de fornecimento de máscaras aos que laboram nos setores operacionais e de campo da prefeitura de Araraquara, do DAAE, assim como dos servidores das prefeituras da região e das funcionários das terceirizadas que junto a esses órgãos também atuam.

No requerimento em que solicita à Justiça o repasse do dinheiro para a aquisição das máscaras, o Procurador do Trabalho reconhece a combatividade do SISMAR e destaca a preocupação do Sindicato com os trabalhadores não ligados diretamente à saúde que estão realizando serviços sem máscaras.

Para o SISMAR, é fundamental o fornecimento de EPIs para servidores como Agentes de Combate às Endemias e Comunitários de Saúde, Apoiadores do Combate à Dengue, servidores do DAAE e do Centralizado, assim como outros que estejam trabalhando e tendo contato entre si ou com a população, para evitar tanto o contágio dos trabalhadores quanto dos contribuintes. O Sindicato tem plena consciência de que ainda estamos (toda a região) em uma curva ascendente de contaminações e que o uso de EPIs colabora diretamente para a diminuição do número de casos.

A distribuição dos 15 mil kits com duas máscaras será feita pelo Sindicato em toda a região a partir da semana que vem. Os dirigentes do SISMAR já estão mapeando os locais de trabalho e os trabalhadores com mais carência do Equipamento de Proteção Individual (EPI) nas nove cidades da base de atuação do Sindicato. Cada máscara pode ser usada por até seis horas, de acordo com o fabricante e, por serem laváveis, podem ser reutilizadas nos dias seguintes.

As máscaras que serão distribuídas são de uso social, não indicadas para equipes de saúde que lidam com pacientes. São máscaras de pano (98% poliamida e 2% elastano), produzidas pela empresa Lupo de Araraquara, compatíveis com a destinação a ser feita, conforme pactuado em reunião em procedimento promocional do MPT. As máscaras terão a identificação do MPT e da Justiça do Trabalho de Araraquara.

Os valores já foram repassados ao Sindicato, que prestará contas da exata destinação (comprovante fiscal de compra) e da distribuição das máscaras aos trabalhadores, no prazo de 60 dias, dando fé na confiança que nele fora depositada tanto pelo Ministério Público do Trabalho quanto pela Juíza da 3ª Vara do Trabalho de Araraquara.

Veja aqui o pedido do MPT

Veja aqui a determinação da Justiça do Trabalho

AGENDA.png
TRANSPARENCIA.png

- Américo Brasiliense

- Araraquara

- Boa Esperança do Sul

- Gavião Peixoto

- Motuca

- Nova Europa

- Ribeirão Bonito

- Santa Lúcia

- Trabiju

SISMAR - Sindicato dos Servidores Municipais de Araraquara e Região

 

Américo Brasiliense, Araraquara, Boa Esperança do Sul, Gavião Peixoto, Motuca, Nova Europa, Ribeirão Bonito, Santa Lúcia e Trabiju


Rua Gonçalves Dias, 970 - Centro - Araraquara/SP

Central de informações: (16) 3335-9909

e-mail: contato@sismar.org.br