top of page

Hoje é dia de promover a igualdade e combater a discriminação contra as mulheres

O dia internacional das mulheres existe porque muitas morreram lutando por direitos e melhores condições de trabalho

 



Em 1908, a polícia de Nova Iorque reprimiu com violência uma manifestação de mulheres, organizada pelo Sindicato Internacional das Trabalhadoras Têxteis, que reivindicava a redução da jornada de trabalho para 10 horas por dia, melhores salários, condições de trabalho mais seguras e o direito à organização sindical.

O alerta das trabalhadoras sobre as condições precárias de trabalho acabou comprovado por uma tragédia ocorrida em 25 de março de 1911, quando um incêndio atingiu a fábrica Triangle Shirtwaist, em Nova Iorque, e resultou na morte de 146 trabalhadores, a maioria mulheres.

Antes mesmo do incêndio, em 1910, durante a II Conferência Internacional das Mulheres Socialistas, a líder socialista alemã Clara Zetkin já havia proposto a criação de uma data comemorativa internacional para homenagear as lutas e conquistas das mulheres em todo o mundo. 

A proposta foi aprovada por unanimidade na Conferência e, a partir de então, o dia 8 de março passou a ser considerado o Dia Internacional da Mulher. 

Mas, foi somente em 1975 que a Organização das Nações Unidas (ONU) oficializou a data de 8 de março como Dia Internacional da Mulher, com o objetivo de promover a igualdade de gênero e combater a discriminação e a violência contra as mulheres em todo o mundo.

Infelizmente, mais de um século depois da tragédia em Nova Iorque e quase 50 anos depois da ONU oficializar a data, as mulheres ainda precisa lutar, e muito, e todos os dias, por respeito e igualdade.

Neste dia de reflexão, O SISMAR cumprimenta todas as mulheres, especialmente as trabalhadoras municipais.

A luta das mulheres por respeito e dignidade também é bandeira desta diretoria do Sindicato, formada principalmente por trabalhadoras.

Que possamos, juntas, avançar em direitos e eliminar os preconceitos e violências que hoje ainda imperam contra as mulheres mundo a fora.

17 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page